Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Red Pass

Rumo ao 38

Red Pass

Rumo ao 38

Benfica 2 - 1 Olhanense

 

Chegar, ver, marcar, convencer, marcar, prometer muito e passar ao lado da goleada. Foi assim a primeira parte do Benfica que começou este jogo com o Olhanense a saber que tinha de garantir os 3 pontos para continuar na frente do campeonato com o Porto e ainda deixar o Braga um pouco mais para trás.

Mais rápido que o golo de Rodrigo era impossível de pedir. 20 segundos foi o tempo que o espanhol precisou para romper pela direita e de pé esquerdo (hoje começámos com 6 canhotos) abrir o marcador. O mais complicado parecia estar feito.

Nos minutos seguintes o Benfica não facilitou e apresentou futebol de alta rotação chegando ao segundo golo com naturalidade. Bisou Rodrigo, agora a confirmar de cabeça o segundo da noite.

Agora pergunto eu; onde está aquele pessoal que tanto criticou o negócio que trouxe este puto para a Luz? Não vão dizer nada, pois não? Eu avisei em Portimão que Rodrigo tinha pinta de craque e desde daí que ele tem aproveitado bem as oportunidades que jesus lhe tem dado. Temos jogador!

 

Boa notícia é a confirmação de Matic como alternativa válida para o meio campo, isto numa altura em que Javi está com dificuldade em regressar à condição ideal para jogar, deve ficar de fora com o Basileia. Hoje Matic foi um dos melhores campo.

 

Há alturas em que sentimos que a equipa vai partir para a goleada tal é a qualidade atacante do nosso futebol. O problema é que passando esse timming e o balanço ofensivo chegamos ao intervalo com uma vantagem curta.

E quando se entra a dormir na segunda parte permitindo o 2-1 então tudo ganha uma nova dimensão. Aqueles largos minutos de excelente futebol de nada valeram porque só renderam 2 golos e de repente o adversário reentrou no jogo e o perigo do empate assalta a nossa calma. Felizmente a equipa percebeu o risco estúpido que corria de poder levar um golo e estragar a noite e voltou a tentar tomar conta do jogo. Sem a mesma frescura da primeira parte mas ainda assim com algumas jogadas para aumentar a vantagem. Até que o 3-1 tranquilizador apareceu por Cardozo mas misteriosamente o golo foi anulado! Será que também podemos fazer as figurinhas choronas a ver se param de tentar aldrabar resultados na Luz?

 

Muito se tem elogiado Artur, hoje não queria deixar de apontar um pormenor que gosto muito; a maneira como Artur lança a bola com as mãos para os companheiros da ala fazem-me recuar aos tempos de Bento que o fazia com mestria. Prefiro reposições assim do que chutões para o ar. Muito bem Artur.

E trambém muito bem o capitão Luisão que numa jogada chave apareceu na hora H a negar o remate a um olhanense que ia tentar o empate, corte magistral!

 

Na frente a brigada de canhotos continua a movimentar-se bem, Gaitán, Bruno César, Rodrigo ou Cardozo merecem nota alta não só pela primeira parte mas pelo que lutaram na 2ª parte.

 

À semelhança do que já tinha acontecido em Aveiro houve mais um factor importante a dar força ao Benfica para não vacilar nos minutos finais; os benfiquistas puxaram pela equipa de maneira exemplar e ajudaram a carimbar mais uma importante vitória. Fabulosa a nova bandeira no Topo Sul.

Numa semana garatimos 3 pontos em Aveiro, mais 3 pontos na recepção ao Olhanense, nada mau tendo em conta que a equipa da moda, o Barcelona do Campo Grande não ganhou nenhum destes dois jogos, por exemplo.

 

Está a ser uma caminhada espectacular do Benfica que continua a somar vitórias e já não perde um jogo ao tempo.

Missão cumprida, 3 pontos ganhos, podemos esquecer já hoje o campeonato, os primeiros já se despacharam. Venha de lá esse grande jogo com o Basileia na Luz.

4 comentários

Comentar post