Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Red Pass

Rumo ao 38

Red Pass

Rumo ao 38

visitado 5 - 0 Benfica

Chegar a esta hora a casa (3h30 da manhã) a poucas horas de ir trabalhar depois de passar um dia na estrada e comboio e regressar com uma goleada destas deixa qualquer um sem sono e revoltado.

Não vou falar em sentir vergonha porque eu fiz tudo o que tinha fazer, mais uma vez pus o Benfica acima de tudo e de todos fui apoiar a equipa e mais não podia fazer.

 

Recebi há minutos um sms de um jornalista que me pedia para confirmar o boato que corre esta madrugada que Jesus teria pedido a demissão. Sinceramente não sei se pediu ou não. Se o fez foi inteligente e mostra que ficou mesmo perturbado com este resultado e com o arranque de época embaraçoso que terá conduzido a esta noite. Por outro lado pode-o fazer à vontade porque sabe que nunca será aceite e fica tudo na mesma.

 

Ao longo de mais de 26 anos de associado (e mais alguns como pré associado) vivi, felizmente, muitas e muitas tardes e noites de alegrias inesquecíveis como fui recordando aqui ao longo da última época. Mas, infelizmente, em três décadas que levo a ver futebol também vivi algumas de horror sendo que esta derrota nem foi a mais volumosa que vivi. Esta infelicidade acumulada deu-me estaleca para aguentar hoje a goleada com outra calma que não tive noutras ocasiões.

 

O facto de já ir para cima com a sensação que não ia ser grande coisa, não era à toa que tantos adeptos nossos falavam em empatar, de estarmos numa época em que a condição de sócio apoiantes nos jogos fora de casa faz de nós uns desalinhados com os discursos oficiais confusos que têm sido divulgados nos últimos meses também não ajuda. Há um ambiente negativo que tomou o lugar da alegria do campeonato terminado há uns meses e isso nota-se dentro e fora de campo.

 

Nas últimas semanas jogos como o de Lyon ou Schalke já tinham ameaçado fazer cair o céu sobre as nossas cabeças. A coisa tremeu mas aguentou-se, depois vem um Benfica de duas caras contra os franceses na Luz, tanto chega aos 4-0 em 70' como acaba o jogo a aguentar o 4-3.

O jogo de hoje começa precisamente onde tinha acabado o da Champions: invenções e equívocos no "11", atitude fraca, e medo de sofrer golos que apareceram de rajada. Voltámos a sofrer os mesmos 3 golos que tínhamos visto na 3ª feira num curto espaço de tempo.

Isto depois de entrarmos em campo com uma defesa (que não sofria golos há 5 jogos da Liga) inventada com David Luiz na esquerda e Sidnei no meio. Eu que pensava que os tempos de David Luiz a lateral já eram passado bem enterrado... Depois Saviola de fora deixando Kardec sozinho na frente... Enfim, deu o belo resultado que se viu.

Sou um acérrimo defensor de Luisão há anos e anos mas hoje quero dizer que o nosso capitão foi cobarde e arranjou uma maneira feia de fugir daquele pesadelo deixando a equipa completamente ko sem hipótese de reduzir o marcador e a dar oportunidade para o adversário fazer mais golos. Muito feio, Luisão.

 

Infelizmente não foi há muito tempo que levámos 5 fora da Luz, aconteceu com o antecessor de Jesus na Grécia e como se viu Quique não saiu do clube. Ficou e venceu a Taça da Liga.

Sair o treinador não resolve nada, o que resolvia era não se terem enganado tão estrondosamente nos reforços. Gaitán veio para o lugar de Di Maria que só saiu porque os nossos responsáveis encontraram o homem certo para o seu lugar. Não me gozem...

 

Esta atracção pelo abismo logo a seguir a tocarmos o céu mata-me aos poucos. Ainda há poucos meses demos 3 a este adversário numa final de Taça da Liga e depois disso festejámos mais um título de campeões. Foi há meia dúzia de meses mas parece que foi há anos tal é o aspecto destruído que a nossa equipa apresenta. Espero que as ruínas sejam só aparentes e que ainda volte a ter o Benfica a lutar por títulos esta época. Afinal de contas só saíram 2 titulares e nós fomos buscar homens à altura, segundo nos disseram e nem precisam do apoio do povo que deve boicotar as finanças dos outros. Muita moral , poucos resultados. Um pouco como o discurso do nosso treinador esta época, muita conversa poucos resultados. Espero que tenha sido só um acidente triste e que tudo volte ao normal rapidamente.

 

Mas depois lembro-me dos compromissos assumidos para esta semana e penso que o melhor é mesmo ir dormir e tentar levar o resto da época com a mesma descontracção e paixão com que hoje nós almoçámos os melhores rojões do ano em Aveiro. Valha-nos isso.

 

Divirtam-se muito nesta merecida viagem de férias até Angola. Continuem a brincar com isto.

27 comentários

Comentar post

Pág. 1/2