Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Red Pass

Rumo ao 38

Red Pass

Rumo ao 38

Sporting 1 - 0 Benfica: Ficar à Porta do Jamor por Culpa Própria

55945054_10161634150960716_9214289722916995072_o.j

Esta é a primeira grande desilusão da Era Lage. 

Fui para Alvalade consciente que o resultado da Luz era enganador e traiçoeiro. Quando na primeira mão o Benfica não conseguiu fazer o 3-0 e acaba por sofrer o 2-1, acabou por voltar a dar vida a um Sporting que já estava quase KO. 

Não dei muita importância ao golo do adversário porque estava convicto que o Benfica ia repetir a exibição que fez no campeonato e na primeira mão da Taça. Foi isso que me habituei a esperar deste Benfica. E se alguma coisa corresse mal, cá estaria eu para dar força e olhar em frente. O que não aconteceu esta noite em Alvalade foi aquela atitude à Benfica. Eu não me importo de perder desde que seja com as ideias de jogo que Bruno Lage trouxe ao Benfica. Isto é, entrar para ganhar, saber que somos melhores do que o adversário e ir para cima deles. Ter bola, construir, procurar vencer, como se estivesse tudo zero a zero. Fiquei admirado com a passividade da equipa. Fiquei decepcionado com a postura do Benfica em deixar o tempo passar. É certo que houve algumas ocasiões de golo que podiam ter resolvido a meia final mas nunca é boa ideia gerir uma vantagem tão curta. Demos oportunidade para que Bruno Fernandes, o único jogador acima da média deste Sporting, voltasse a dar ânimo ao rival. 

O Benfica hoje colocou-se muito a jeito para um triste fim. E isso era algo que eu já não esperava ver tão cedo. 

Foi um duro golpe na moral do universo Benfica que já sonhava com uma dobradinha.
Agora, é preciso cerrar fileiras e ir à luta nas sete finais que faltam no campeonato. Um campeonato completamente inquinado, como se viu no sábado, onde o Benfica não tem margem de erro. Onde é importante manter a cabeça fria, ao contrário do que aconteceu hoje no final do jogo com Rafa a ser expulso. 

O país ficou feliz com o reencontro de irmãos verdes e azuis no Jamor, como tinha ficado feliz na final 4 da Taça da Liga, em Braga. O Benfica tem que se esmerar dentro e fora de campo. 

Hoje foi mau porque perdemos com passividade e expectativa. Não pode voltar a acontecer. E quem tiver que levantar a voz contra todo este esquema de arbitragem e VAR que tanto beneficia o Porto, que levante bem alto e todos os dias, se for preciso. 

Hoje fiquei decepcionado. Domingo lá estarei no próximo jogo fora.

Ganhar na Feira!