Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Red Pass

Rumo ao 38

Red Pass

Rumo ao 38

A Selecção do Edinho


Como já aqui expliquei várias vezes a Selecção para mim tornou-se indiferente desde que lá chegou o cabeçudo Carlos Queirós.
Deixei de perder tempo aqui no blogue com a Selecção e, sinceramente, estou completamente nas tintas para os resultados que Portugal consiga. Não me preocupa minimamente o play off e tudo o que não seja uma qualificação para o Mundial seria embaraçoso e vergonhoso para os responsáveis da FPF que sabem que temos ido a todas as fases finais nos últimos largos anos.
Não me preocupa, não me aquece, nem me arrefece. Vou vibrar com o Mundial como sempre o fiz desde 1978, se está lá Portugal ou não pouco me importa.
Mas hoje abro uma excepção para destacar o golo do Edinho.
Porquê? Porque tenho o prazer de ter no meu local de trabalho a companhia do seu irmão Tiago que vibra com a carreira de Edinho como ninguém. Quando o avançado jogava no Vitória de Setúbal e marcou por duas vezes ao Benfica, o Tiago até me pediu desculpas nos dias a seguir aos jogos. E como sei que o Edinho simpatizava muito com a ideia de um dia jogar no Benfica fica aqui o meu abraço de parabéns ao Edinho, e ao Tiago. Cometeram a proeza de me por a festejar um golo da Selecção do loser Queirós.