Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Red Pass

Rumo ao 38

Red Pass

Rumo ao 38

Vénia

É gratificante quando sentimos que podemos contribuir para melhorar o nosso clube. Não sei se terá sido por coincidência, ou não, mas a verdade é que ontem vi os jogadores do Benfica a serem apresentados um a um e todos tiveram o cuidado de se curvar perante as duas bancadas centrais.
Também na entrada da equipa antes do jogo começar viu-se o cuidado com a vénia aos associados. No entanto, e sem querer ser picuínhas, penso que se pode pedir aos jogadores que façam a vénia bem junto da linha lateral perto dos sócios em vez de ser no meio do campo. Apenas um pormenor.
Coincidência, ou não, foi bonito de ver e lembrei-me deste movimento pela blogosfera.

Dúvidas à Volta dos 7M do Javi Garcia

Há um "comentador" que deixou uma curiosa explicação tanto na Tertúlia Benfiquista, como no Geração Benfica, sobre os 7 milhões que se pagam pelo Javi Garcia:

OS 7 milhões em parte são ordenados que o REAL vai pagar directamente ao jogador através de ESPANHA. Porquê? porque em Espanha os impostos dos jogadores são mais baratos que em Portugal. Então temos o seguinte exerci cio:
Passe do jogador 3 milhões mais ordenados e impostos a pagar pelo Real 4 milhões assim dá 7 milhões. Além disso para isto ser possível o Real ficou com direitos de 10% sobre mais valias de possível venda. Temos portanto activo mais caro mas despesas de funcionamento(salários) mais baixos assim o jogador sai mais barato. Já o Saviola está nestas condições.
espero ter ajudado a esclarecer.

Puxo o assunto para aqui porque me parece de todo conveniente tentarmos perceber esta situação e assim faço minhas as palavras do Geração Benfica:

- Sendo assim é suposto ser constatável no R&C que Javi Garcia durante 5 anos vai custar ZERO em ordenados?

- Se Javi Garcia tem contrato com o SL Benfica e não com o Real Madrid, ao abrigo de quê é que o Real lhe vai pagar os salários? Sobre que vínculo laboral vão proceder aos descontos?

- Saviola igual? Esse jogador ao que se sabe foi "dispensado" a custo zero pelo Real Madrid, tendo os 5.000.000€ sido entregues pelo Real Madrid ao jogador como compensação da rescisão que fora suportada pelo SL Benfica. Essa é a "história" que corre em Espanha.

- O jogador vem ganhar 800.000€/ano, ou seja, pouco mais de 60.000€ brutos por mês?

- De onde vêem os prémios de jogo?

- Essa situação não confere uma ilegalidade na comunicação à CMVM? Isso não pode ter penalizações?

Se alguém souber responder use os comentários.

PS: apesar de ter deixado bem destacado que o comentário aparece em dois blogues, e que tirei esta questão do blogue Geração Benfica ( com o link para o blogue integrado no nome por duas vezes) o autor do Geração Benfica mostrou a sua indignação nos comentários. Se não fui suficientemente claro ao explicar a fonte onde esta questão foi levantada peço desculpa e fica aqui mais uma vez a fonte com o link integrado, ressalvando que apenas corrigi os erros gramaticais: GERAÇÃO BENFICA

Só Falta um Guarda Redes

Segundo avança hoje a imprensa brasileira, os guarda-redes Felipe, do Corinthians, e Victor, do Grêmio, pode estar a caminho do Benfica.

Depois de garantir a contratação de um médio defensivo (Javi Garcia) e um avançado (Weldon), o Benfica vai agora apostar na contratação de um guarda-redes e o mercado brasileiro parece ser o lavo escolhido.

Segundo avança hoje a imprensa brasileira, Felipe, do Corinthians, e Victor, do Grêmio, são duas fortes hipóteses para reforçar o clube "encarnado", sendo que o guarda-redes da equipa de São Paulo é o que se encontra melhor colocado.

Bruno Paiva, empresário de Felipe, confirmou que tem mantido "conversas" com responsáveis do Benfica que estariam dispostos a oferecer três milhões de euros pelo guarda-redes do Corinthians.

Com 1.90m e 25 anos, Luiz Felipe Ventura dos Santos iniciou a carreira Vitória da Bahia e está desde 2007 no Corinthians onde disputou 135 jogos pelo clube de São Paulo. O passe do jogador está dividido entre Corinthians (50 por cento) e Bragantino (25 por cento). Felipe detém os restantes 25 por cento.

Um ano mais velho e ligeiramente mais alto (1.93m), o passe de Victor, do Grêmio, está avaliado em 3.7 milhões de euros. O guarda-redes foi convocado pela primeira vez para a selecção brasileira em junho, para disputar a fase de qualificação para o Mundial de 2010 e a Taça das Confederações, mais não chegou a ser utilizado pelo seleccionador Dunga.

fonte: Público

30 Mil para... 60 Mil

É disto que são feitas as diferenças.
Há dias dizia um Presidente de um clube lisboeta a propósito da apresentação da sua equipa de futebol:
"Tenho ainda de agradecer que, numa altura de férias e de muito calor, mais de 30 mil adeptos tenham vindo apoiar da forma que o fizeram, a equipa do Sporting. Foi um dia excepcional e a equipa sentiu esse apoio. Não se devem destacar só as coisas más, mas também as boas."

Ontem foi dia de semana, dia de trabalho, e a nossa equipa apresentou-se perante quase 60 mil pessoas na Catedral.
Coisas boas, portanto.

Benfica 1 - 2 Atlético de Madrid



Maravilhoso fim de tarde na Luz.
Lisboa viu uma apresentação a sério do maior clube de Portugal. Numa 3ª feira, dia de trabalho, a Catedral encheu-se com cerca de 60 mil adeptos crentes no trabalho que está ser realizado na equipa de futebol. Destaque para o topo sul que mostrou bem alto o seu desejo para esta época.

Se da bancada vem uma confiança e um apoio como há muito não se sentia naquele estádio, a resposta dentro de campo não desapontou ninguém. Há boas ideias de jogo, há trabalho visível de banco ( pormenores muito interessantes na cobrança de cantos assim como no posicionamento a defendê-los), há qualidade em todos os sectores, há atitude, há mentalidade atacante, há pressão sobre o adversário, e há Cardozo melhor que nunca.

Como estamos a falar de um jogo de pré época não vou entrar em detalhes porque tudo ainda está muito no início da construção. Mas nós queremos ter uma opinião sobre o crescimento do nosso Benfica 2010 e essa só pode ser positiva. Neste momento só posso elogiar o que tenho visto, porque aquilo que se vê de errado, principalmente a defender, pode ser emendado durante o mês que falta para o campeonato começar.

Os indicadores são animadores, e se as contratações agora anunciadas resultarem em pleno, então há mesmo muita ilusão quanto a esta temporada.
Esta noite viveu-se uma noite maravilhosa, foi emocionante ver a recepção a Simão, e até a Reyes, foi vibrante festejar o golo do Benfica após grande jogada de Saviola.
Muito bonita a festa. E é de acreditar que esta onda positiva possa ser mantida até ao jogo de estreia no Campeonato, o que seria meio caminho andado para os primeiros 3 pontos da época.

O facto de ter sido o Atlético de Madrid a vencer também tem as suas vantagens; já ninguém nos chateia com a conversa das euforias, e basta ver a maneira como alguém resolveu oferecer a vitória aos espanhóis para percebermos que apesar de todos os aspectos positivos a equipa de Jesus vai ter uma adversidade muito maior, mais abstracta, e calhar, invencível. A mesma que viu uma falta de Yebda no Dragão, ou transformou em empates duas vitórias na Luz que nos davam a liderança na época passada. Hoje já provámos um pouco do que nos espera.
No dia em que eu acreditar que não dá mesmo para contrariar estes apitos dourados eu dedico-me só à música.
Mas por enquanto há fé neste querer demonstrado por 60 mil benfiquistas. Não podemos estar todos enganados. Todos juntos vamos ser mais fortes do que aqueles que nos odeiam e invejam.
O orgulho de ser benfiquista esta noite saiu reforçado.

Acordo de princípio com Weldon

A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD chegou a um acordo de princípio com o avançado brasileiro Weldon (Sport Recife) que chegará esta quarta-feira a Portugal para a realização de exames médicos, sendo que após a conclusão dos mesmos será efectuada a oficialização do contrato.