Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Red Pass

Tetra Campeões

Red Pass

Tetra Campeões

Rio Ave 0 - 1 Benfica: Raul Fez (Outra Vez) o Momento Perfeito

_JPT8455.jpg

 

Vou explicar o que é viver um largo momento de felicidade absoluta. Algo improvável de se sentir mas só possível devido a uma descontrolada paixão por um clube que é maior que a vida.

Estar num domingo à tarde em pé numa bancada , mais ou menos, central, a sofrer por um golo que está difícil de aparecer, olhando o cenário que envolve o Estádio dos Arcos, entre o mar do lado esquerdo e o arvoredo do lado direito. Apesar de ventoso, é um estádio com uma paisagem que fica quase poética com o por do sol a contrastar com as cores vermelhas do equipamento do Glorioso. O momento, propriamente dito, começa numa jogada antes do meio campo, de repente vemos Salvio a correr determinado pela esquerda, os nossos olhos desenham logo uma rápida jogada que acaba por virar realidade. Corrida bonita, com estilo, com as cores certas, Salvio vai até à grande área contrário no momento certo passa a bola para a direita. Assim mesmo, um passe simples e perfeito, nem é uma assistência, que isso é coisa de NBA, um passe que todos nós previmos uns décimos de segundo antes. A bola vai direitinha para Raul que nem hesitou em fazer toda uma nação feliz. A nação benfiquista que explodiu de alegria naquelas bancadas, a nação benfiquista que festejou o golo uns segundos depois por esse país fora, por esse mundo fora.

 

(Fotogaleria de João Trindade)

 

Festejos no relvado, festejos emocionantes na bancada. Abraços, sorrisos, enlouquecer de alegria, que coisa boa. Tudo por causa de uma jogada simples, prática e eficaz. Tudo num momento perfeito.

E uns minutos depois tudo volta a ser sofrimento com o relógio a não andar, com o ataque do Rio Ave a assustar e uma bola a ser devolvida pelo nosso poste. A tal estrelinha a brilhar do nosso lado.

É por causa de momentos destes que milhares de benfiquistas atravessam um país para ir ver o seu clube jogar, que se despedem do autocarro na Luz em festa e o recebe no hotel e no estádio do adversário em delírio.

Este povo ama-te,Benfica. E quando fazes o povo feliz, o mundo parece fazer muito mais sentido, Benfica.

 

Para trás ficam momentos explicações, desilusões, opções e incompreensões. Era domingo, o primeiro de Maio, o tal que alguém se lembrou de dedicar às mães. Mãe, mais uma vez, só nos falámos à distância porque tive que ir atrás do nosso Benfica. Como ninguém manda nós, almoçámos a meio da semana em grande estilo. Dia da mãe é sempre, 90 minutos de Benfica é só uma vez por semana entre Agosto e Maio. Obrigado por compreenderes. E ainda teres moral para mandares SMS, a meio do caminho, a avisar que o derby lisboeta jogada à hora da Liga de Honra acabou com vitória dos pastéis.

 

Felizes dos que podem dedicar um dia inteiro da sua vida à sua paixão clubística. Felizes daqueles que convivem com familiares e amigos que compreendem esta necessidade. Felizes daqueles que são do Benfica, é uma forma de vida maravilhosa.

Íamos entrar em 2º nos Arcos mas ganhámos e agora estamos muito perto de um objectivo que tanta guerra tem levantado nos nossos rivais.

Deve ser maravilhoso acordar numa 2ª feira de manhã, não sendo benfiquista, e pensar que a festa de um inédito tetra do Benfica pode explodir a qualquer momento nas próximas duas semanas. E que daqui a três só se vai falar no último jogo da temporada em que um dos clubes envolvidos é ... o Benfica. E ainda, que a nova temporada, lá para a Agosto, pode muito bem vir a começar com um jogo do... Benfica! É lidar. O vosso pior pesadelo está a sair das cartilhas e das cinzas do Salazar, para ganhar vida e vos deixar mais deprimidos, invejosos e odiosos do que nunca.

Enquanto pensam nisso, falem em comunicados e nos programas todos de televisão sobre esta arbitragem impecável que vimos em Vila do Conde.

Ver o Benfica a ganhar com um golo feito de um momento perfeito deve ser a dor mais aguda e profunda que contrasta com o nosso maior orgulho e nossa maior felicidade.

Foi só mais um jogo a norte do país com o Benfica a jogar em casa, foram só mais 3 saborosos pontos. Foco total no próximo jogo, o Vitória SC na Luz. Partir para esse jogo como partimos para este, nada está ganho e sabemos que a nós ninguém nos dá nada, tem tudo que ser conquistado palmo a palmo, jogo a jogo.

Deixem-me ir ver outra vez o golo do jogo, o momento perfeito. Ser do Benfica, é tão bom.

17 comentários

Comentar post