Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Red Pass

Rumo ao Tetra

Red Pass

Rumo ao Tetra

Ligue 1 2015/16: Clube a Clube

ligue_1_34703.jpg

 A liga francesa chega à BTV apresentando como grandes argumentos os craques do milionário PSG, os truques do louco Bielsa a treinar o Marselha, os jovens do Lyon, a estreia do Gazélec na prova e a legião de portugueses a competir.

Portugueses que vamos poder acompanhar: Ricardo Carvalho, João Moutinho, Hélder Costa, Ivan Cavaleiro e Bernardo Silva, todos no Mónaco de Leonardo Jardim, Pedro Mendes no Rennes, Anthony Lopes no Lyon e Raphael Guerreio no Lorient.

O PSG é o grande candidato mas a luta pelo Top4 será muito interessante. Uma caminhada que no final dará lugar ao Europeu 2016 que se jogará nos estádios da Ligue 1.
A tecnologia da linha de golo vai entrar em vigor no campeonato francês esta época.

Fica uma breve apresentação de cada um dos clubes que partem para o campeonato francês desta temporada que começa amanhã.

 

Angers SCO 

501931.png

Treinador: Stéphane Moulin.

Última Época: 3º (Promovido)

Entradas: Billy Ketkeophomphone (Tours), Pierrick Capelle (Clermont), Yoann Andreu (Gazélec Ajaccio), Gilles Sunu (Evian), Romain Saïss, (Le Havre), Thomas Mangani (Chievo).

Saídas: Jonathan Kodjia (Bristol City), Diego Gómez

 

Foi uma bonita história de futebol este regresso do Angers à primeira divisão mais de vinte anos depois. O segundo escalão francês revelou-se uma competição imprevisível e os menos favoritos acabaram por ser felizes, como foi o caso do Angers.

É tempo para os adeptos do clube que revelou ao mundo a lenda do futebol francês Raymond Kopa, se divertirem e sonharem com um ano de estabilidade entre os grandes. Mas será uma tarefa muito complicada, a saída do goleador Kodjia para Bristol e a inexperiência da maior parte do plantel poderão ser uma desvantagem grande. Poucos acreditam na manutenção do Angers no final da liga mas a chegada do internacional suíço Goran Karanovic, ex avançado do St Gallen, e alguns jogadores experientes como Sunu juntam-se ao capitão Olivier Auriac, o eterno homem da casa.

 

SC Bastia  

 

Treinador: Ghislain Printant.  

Última Época: 12º

 

Entradas: Franck Etoundi (FC Zürich), Sadio Diallo (Rennes), Yassine Jebbour (Montpellier).

Saídas: Ryad Boudebouz (Montpellier), Djibril Cissé (JS Saint-Pierroise), Christophe Vincent (AC Ajacio), Romain Achilli e Drissa Diakité

 

A temporada passada estava a correr mal e os adeptos córsegos já estavam a prever um final negro com Claude Makélélé ao leme. Em boa hora chegou Ghislain Printant que deu a volta à situação e levou o clube ao 12º lugar. Para a nova temporada os trunfos são os mesmos, uma defesa sólida, experiente mas também algo veterana e na frente todas as esperanças estão no miúdo François Kamano de 19 anos. Também o marroquino Yassine Jebbour promete evoluir na direita da defesa. Ainda com o plantel em aberto, os dirigentes do Bastia vão tentar tudo para garantir a manutenção.

 

FC Girondins de Bordeaux    

Treinador: Willy Sagnol.

Última Época: 6º

Entradas: Milan Gajić (OFK Belgrade).

Saídas: Mariano (Sevilla), Emiliano Sala (Nantes), Ažbe Jug (Sporting Lisbon), David Djiga (Niort), Julien Faubert, Marc Planus

 

O Bordéus é um dos clássicos emblemas da liga francesa, só o Marselha soma mais vitórias na Ligue 1 do que os girondinos. Treinados pelo jovem Willy Sagnol (38 anos), que tem mostrado uma flexibilidade táctica muito interessante e bons momentos de futebol atacante, os homens de Bordéus prometem melhorar a boa imagem deixada no campeonato e ir longe na Liga Europa. Vão cumprir a primeira época inteira no seu novo estádio que quer vibrar com um dos ataques mais jovens e promissores da Liga. Diego Rolán quer melhorar a marca dos 15 golos da época passada e conta com o apoio de Wahbi Khazri nas alas, por exemplo. Destaque ainda para os avançados Thomas Toure e Isaac Thelin, todos com vinte e poucos anos.

 

SM Caen  

Treinador: Patrice Garande.

Última época: 13º

Entradas: Andy Delort (Wigan), Jeff Louis (Standard Liège), Jonathan Delaplace (Lille), Syad Ben Youssef (Astra Giurgiu), Jordan Nkololo (Clermont), Vincent Bessat and Chaker Alhadur (Nantes).

Saídas : N’Golo Kante (Leicester City), Thomas Lemar (Monaco), Nicolas Benezet (Guingamp), Damien Perquis (Valenciennes), José Saez

 

O facto de um dos melhores jogadores defensivos ter saído para Inglaterra só vem criar mais dúvidas quanto à eficácia do Caen na luta pela permanência. Tudo depende do acerto na aposta da compra de Syad Ben Youssef para a defesa e da capacidade goleadora do reforço vindo do Wigan, Andy Delort. Golos marcados nem são problema para a equipa de Garande, foram a 4ª mais concretizadora na época passada. O problema é lá mais atrás. Vão lutar para não descer.

 

Guingamp 

Treinador: Jocelyn Gourvennec.  

Última Época: 10º

Entradas: Jimmy Briand (Hannover 96), Nicolas Benezet (Caen), Sloan Privat (Gent), Nil de Pauw (Lokeren), Nicolas Benezet (Evian).

Saídas: Claudio Beauvue (Lyon), Christophe Mandanne (Al-Fujariah).

 

Depois da interessante aventura europeia na época passada, caíram com o D.Kiev, os bretões tentam esta época melhorar o 10º lugar para voltar ao sonho europeu. Às saídas de peso do goleador Beauvue, que foi para Lyon, o treinador Gourvennec respondeu com a chegada de Privat e outros jogadores experientes que se juntam ao influente médio senegalês Mustapha Diallo.

 

Gazélec Ajaccio

Treinador: Thierry Laurey.

Última época: 2o (Promovido)

Entradas: Alassane Touré (Tours), Jérôme Lemoigne (Lens), Kader Managane (Unattached), Damjan Djoković (Bologna), Issiaga Sylla (Toulouse).

Saídas: Yoann Andreu (Angers), Ali M’Madi (Grenoble), Matar Fall (Toulon), Florian Fabre (Nîmes), Cyriaque Rivieyran (Clermont), 3 other players released.

 

Tal como o Bornemouth em Inglaterra, o Gazélec Ajaccio escreveu a história mais impressionante de promoções em França. Em poucos anos subiram das divisões mais baixas até à estreia na Ligue 1. Conseguiram o 2º lugar na 2ª divisão com o orçamento mais baixo da prova. O segredo do sucesso é o autêntico forte que representa o seu pequeno Stade Ange-Casanova onde quase ninguém ganha. Ali perto do mar mediterrâneo é o GFCA que manda. São os principais candidatos a descerem de divisão mas os derbys com o Bastia serão imperdíveis. O Gazélec contará com a experiência de Sylla na defesa e do veterano Pujol no ataque.

 

LOSC Lille  

Treinador: HervéRenard.

Última Época: 8º

Entradas: Baptiste Guillaume (Lens), Eric Bauthéac (Nice), Ibrahim Amadou (Nancy), Junior Tallo (Roma), Sehrou Guirassy (Stade Laval), Mounir Obbadi (Monaco), Renato Civelli (Bursaspor), Stoppila Sunzu (Shanghai Shenhua).

Saídas: Adama Traoré (Monaco), Idrissa Gueye (Aston Villa), Simon Kjær (Fenerbahçe), Abdoulaye Diaby (Club Brugge), Nolan Roux (Saint-Étienne), David Rozehnal (KV Oostende), Jonathan Delaplace (Caen).

 

O 8º lugar do Lille não terá impressionado os seus adeptos já habituados às andanças nas provas da UEFA. A troca do treinador René Girard por Hervé Renard resulta em confusão fonética mas o ex seleccionador da Costa do Marfim, Renard, irá tentar estabilizar a equipa na primeira metade da tabela. A tarefa deste ano passa também por atacar um lugar europeu mas a venda de vários jogadores importantes não inspira grande confiança. Vale a qualidade defensiva de Corchia e a bravura do capitão Rio Mavuba para dar esperanças aos fãs do Lille.

 

FC Lorient  

Treinador: Silvain Ripoll.

Última Época: 16º

Entradas: Moryké Fofana (Lilleström), Pape Paye (Dijon).

Saídas: Jordan Ayew (Aston Villa), Fabien Robert (Swindon Town), Perdinho (Rio Ave), Mathias Autret (Lens), Mathieu Coutadeur , Fabien Audard

 

A equipa de Raphael Guerreiro estabilizou-se entre os grandes. O português contribuiu com 7 golos para a manutenção, assim como Lecomte em grande estilo na baliza do Lorient. O problema maior de Ripoll é encontrar substituto à altura de Jordan Ayew transferido para o Aston Villa. Será mais um ano de luta entre os grandes de França.

 

Olympique Lyonnais

Treinador: Hubert Fournier.

Última Época: 2º

Entradas: Claudio Beauvue (Guingamp), Jérémy Morel (Marseille).

Saídas: Farès Bahlouli (Monaco), Mohammed Yattard (Standard Liège), Yoann Gourcuff.

 

Entre 2001 e 2008, o Lyon conquistou os seus 7 campeonatos que fazem deste emblema o 4º mais bem sucedido na Ligue 1 a par do Mónaco. Depois dos tempos de Sonny Anderson, Juninho ou Benzema, o OL não voltou a vencer a prova. Na época passada foi vice campeão ficando assim com acesso aberto à Liga dos Campeões. Com um novo estádio a ser construído para o Euro 2016 e uma equipa jovem, Fournier vai querer aproximar-se do campeão milionário de Paris. Nos últimos 17 campeonatos, o Lyon conseguiu ficar no pódio por 15 vezes, é este o caminho que a Direcção quer seguir ao manter os jovens mais promissores no plantel, nomeadamente Fekir e o goleador Lacazette.

 

Olympique de Marseille  

Treinador: Marcelo Bielsa.

Última Época: 4º

Entradas: Lucas Ocampos (Monaco), Karim Rekik (Manchester City), Bouna Sarr (Metz), Georges-Kevin N’Koudou (Nantes), Yohann Pelé (Sochaux), Abou Diaby (Arsenal), André-Frank Zambo (Reims), Javier Manquillo (Atlético Madrid), Lassan Diarra (Unattached).

Saídas: Gianelli Imbula (Porto), Dimitri Payet (West Ham), Foued Kadir (Real Betis), André Ayew (Swansea), André-Pierre Gignac (Tigres), Rod Fanni (Al-Arabi), Laurent Abregel (AC Ajaccio), Jérémy Morel (Lyon), Momar Bangoura.

 

O Marselha vai participar pela 66ª vez no campeonato, junta-se ao Sochaux como clube com mais ligas disputadas. Só por si, o emblema do OM é uma atracção da Ligue 1 mas com o chilena Marcelo Bielsa o interesse duplica.

No meio de vários problemas financeiros a equipa não conseguiu o desejado apuramento para a Champions. Apesar de saídas de jogadores nucleares, só o Porto pagou mais de 20 Milhões de euros por Imbula que se juntou a Payet, Gignac e Ayew no adeus a Marselha. Agora Bielsa terá de casar inexperiência e veterania para aproveitar as chegadas promissoras de Lucas Ocampos ou Manquillo. Bielsa é espectáculo garantido.

 

AS Monaco  

Treinador: Leonardo Jardim.

Última Época: 3º

Chegadas: Ivan Cavaleiro (Benfica), Adama Traoré (Lille), Guido Carrillo (Estudiantes), Allan Saint-Maximin (Saint-Étienne), Corentin Jean (Troyes), Thomas Lemar (Caen), Farès Bahlouli (Lyon), Stephan El Shaarawy (AC Milan), Gil Dias (Braga B), Hélder Costa (Benfica B).

Saídas: Geoffrey Kondogbia (Inter Milan), Yannick Ferreira Carrasco (Atlético Madrid), Lucas Ocampos (Marseille), Mounir Obbadi (Lille), Nicolas Isimat-Mirin (PSV), Gaetano Monachello (Atalanta), Marc-Aurèle Caillard (Clermont), Falcao (Chelsea), Valère Germain (Nice), Delvin N’Dinga (Lokomotiv Moscow), Dimitar Berbatov

 

Impressionante o trabalho de Leonardo Jardim no Mónaco. Levou a equipa ao pódio depois de um assustador desinvestimento no começo da aventura e ainda brilhou na Champions até aos 1/4 de final! A equipa pode não ter muitos adeptos em França mas é seguida cada vez com mais atenção em Portugal devido à legião de portugueses no plantel. As perdas de Kondogbia, Ferreira Carrasco, Ocampos e Berbatov são dramas que Jardim irá tentar compensar com aposta em jovens como Guido Carrillo ou o promissor El Shaarawy que poderá ser uma das figuras da L1. Para seguir com muita atenção, a carreira do Mónaco.

 

Montpellier HSC  

Treinador: Rolland Courbis.

Última Época: 7º

Entradas: Ryad Boudebouz (Bastia), William Rémy (Dijon).

Saídas: Abdelhamid El Kaoutari (Palermo), Yassine Jebbour (Bastia), Siaka Tiéné and Karim Aït-Fana

 

Depois daquele inesperado triunfo em 2012, altura em que o Montpellier inscreveu o seu nome entre a galeria dos campeões de França pela única vez na sua história, as temporadas têm sido mais discretas mas também tranquilas. O meio da tabela é um lugar seguro e dá sempre a ilusão de se tentar chegar aos lugares europeus. Será essa a ideia para a nova temporada. As chegadas de Boudebouz e Rémy não serão suficientes para o clube subir muito mais na tabela.

 

FC Nantes  

Treinador: Michel Der Zakarian.

Última temporada: 14º

Entradas: Kolbeinn Sigthórsson (Ajax), Adrien Thomasson (Evian), Wilfried Moimbé (Brest), Emiliano Sala (Bordeaux), Adryan (Flamengo).

Saídas: Jordan Veretout (Aston Villa), Georges-Kevin N’Koudou (Marseille), Kian Hansen), Issa Cissokho and Serge Gakpé (Genoa), Vincent Bessat and Chaker Alhadur (Caen), Nassim Badri

 

Os amarelos ainda entusiasmaram os seus adeptos com um começo de época empolgante mas depois foram caindo até ao 14º lugar. O treinador Der Zakarian vai ter um complicado desafio, fazer esquecer o goleador Veretout, que foi para o Aston Villa e convencer Sigthórsson a ser mais eficaz em Nantes do que foi em Amesterdão. Andar longe de sobressaltos, é a ideia do FC Nantes mantendo o jogo limpo, foram a equipa que fez menos faltas na época passada.

 

OGC Nice  

Treinador: Claude Puel.

Última Época: 11º

Entradas: Jean Michaël Seri (Paços Ferreira), Maxime Le Marchand (Le Havre), Valère Germain (Monaco) Hatem Ben Arfa

Saídas: Jordan Amavi (Aston Villa), Eric Bauthéac (Lille), Didier Digard (Real Betis), Llyod Palun (Red Star Paris), Alexy Bosetti (Tours), Joris Delle (Tours), Souleymane Diawara

 

Pela solarenga Côte d’Azur todas as atenções estão viradas para a chegada de Hatem Ben Arfa. Será desta que irá provar toda a sua qualidade? Claude Puel bem agradecia que assim acontecesse, ajudaria a esquecer as saídas de Amavi ou Digard.

Tentar manter o Nice a meio da tabela será uma tarefa que parece estar ao alcance de Puel que conta com o regresso de Jérémy Pied após empréstimo ao Guingamp.

 

 

Paris Saint-Germain  

Logo Paris Saint-Germain

Treinador: LaurentBlanc.

Última época: Campeões

Entradas: Kevin Trapp (Eintracht Frankfurt), Benjamin Stambouli (Tottenham), Di Maria (Manchester United)

Saídas: Yohan Cabaye (Crystal Palace), Alphonse Aréola (Villarreal), Zoumana Camara (Retirou-se).

 

O domínio dos milionários de Paris é tão avassalador que já nem se coloca em questão o seu favoritismo à conquista do 4º campeonato seguido, correndo atrás do recorde do Lyon. A grande interrogação é saber de Larent Blanc conseguirá levar os azuis até ao topo da Champions. Para isso fez poucas investidas no mercado mas marcantes. Trapp vem para fazer concorrência a Sirigu na baliza, Benjamin Stambouli vem Tottenham e Di Maria promete agitar os relvados da Ligue 1 após a passagem por Old Traford. O campeão tem obrigação de revalidar o título com o plantel de luxo que tem e lutar por um lugar em Milão na final da Champions.

 

Saint-Étienne

Treinador: Christophe Galtier.

Última época: 5º

Entradas: Nolan Roux (Lille), Kévin Théophile-Catherine (Cardiff), Vincent Pajot (Rennes).

Saídas: Allan Saint-Maximin (Monaco), Max Gradel (Bournemouth), Benoît Assou-Ekotto (Retirou-se).

 

Os verdes estiveram quase a conseguir um incrível apuramento para a Liga dos Campeões. Ficaram em 5º e vão disputar a Liga Europa. O treinador Galtier é dos mais bem sucedidos em França e é muito querido no Saint-Étienne onde está desde 2009.

Há baixas importantes a registar, Max Gradel para os estreantes da Premier League e Saint-Maximin. Parece tudo controlado com as chegadas de Nolan Roux e Kévin Théophile-Catherine mas não deve dar para entrar no Top4 da L1.

 

Stade de Reims  

Treinador: Olivier Guégan.

Última época: 15º

Entradas: Frédéric Bulot (Standard Liège), Hamari Traoré (Lierese).

Saídas: André-Frank Zambo (Marseille), Yann Benedick (US Sarre-Union), Christophe Glombard (Paris FC), Gaëtan Courtet (Auxerre).

 

O Stade de Reims andou ali a ameaçar uma descida de divisão que conseguiu evitar. Este ano a luta será a mesma e só uma boa temporada de alguns jogadores desaparecidos dos grandes palcos pode ajudar a resolver. Benjamin Moukandjo continua a ser a estrela da companhia que terá a ajuda de N'Goa, que tanto prometeu no Bolton e Liverpool, e do internacional argelino Mandi. A ver se é suficiente para uma missão bem conseguida de Guégan.

 

Stade Rennais  

Treinador: Philippe Montanier.

Última época: 9º

Entradas: Yacouba Sylla (Aston Villa), Ludovic Baal (Lens), Pedro Mendes (Parma), Giovanni Sio (Basel).

Saídas: Sadio Diallo (Bastia), Philipp Hosiner (1.FC Köln), Christopher Dilo (Dijon), Vincent Pajot (Saint-Étienne), Jean II Makoun .

 

Em jeito de viagem numa montanha russa, o Stade Rennais andou a namorar os lugares europeus depois de 9 jogos sem derrotas para depois estar outros 9 sem ganhar. O treinador Montanier vai tentar equilibrar a equipa e estabilizá-la. Para isso contra com interessantes reforços, destaque para o português Pedro Mendes chegado do despromovido Parma. Costil continua a ser um esteio na baliza, só falhou 2 jogos da L1 em 6 anos!
Ntep é o nome a ter em conta nesta equipa, é uma das maiores promessas.

 

 

Toulouse  

Treinador: Dominique Arribagé.

Última época: 17º

Entradas: Mauro Goicoechea (Arouca).

Saídas: Zacharie Boucher (Auxerre), Issiaga Sylla (Gazélec Ajaccio), Dragos Grigore (Al-Sailiya).

 

Vai ter uma tarefa muito complicada o guarda redes que trocou Arouca pelo Toulouse. Mauro Goicoechea vai tentar ajudar o treinador Arribagé a evitar uma descida de divisão que se prevê provável. Sem grandes argumentos no plantel o Toulouse vai precisar bem mais do que a qualidade do goleador Ben Yedder e do médio Didot. É preciso ir ao mercado se querem evitar a despromoção.

 

 

Troyes AC  

Treinador: Jean-Marc Furlan.

ùltima Época: 1º (Promovido)

Entradas: Lossémy Karaboué (Nancy), Fabien Camus (Genk).

Saídas: Lionel Carole (Galatasaray), Mickaël Barreto (Orléans), Salimo Sylla (Auxerre), Florian Jarjat (Retirou-se).

 

Os campeões da 2ª divisão regressam pela porta grande à Ligue 1. O Troyes, também conhecido por clube yo-yo pelas constantes subidas e descidas de divisão, terá tarefa muito difícil para se manter entre os grandes gauleses apesar da continuação de Corentin Jean, jovem vendido ao Mónaco mas que continuará no Troyes e do veterano Nivet que regressa à liga maior aos 38 anos.

Jean-Marc Furlan estará ao lema da equipa que tenta um pequeno milagre.

 

 

Friday 7 August 2015

Fixtures of Friday 7 August 2015
HORAIREHome teamLogoStats / ResultsLogoAway teamBroadcasting
20:30 LOSC Match statistics  between LOSC and Paris Saint-Germain Paris Saint-Germain  

Saturday 8 August 2015

Fixtures of Saturday 8 August 2015
HORAIREHome teamLogoStats / ResultsLogoAway team 
21:00 Olympique de Marseille Match statistics  between Olympique de Marseille and SM Caen SM Caen  
21:00 Montpellier Hérault SC Match statistics  between Montpellier Hérault SC and Angers SCO Angers SCO  
21:00 OGC Nice Match statistics  between OGC Nice and AS Monaco AS Monaco  
21:00 FC Nantes Match statistics  between FC Nantes and EA Guingamp EA Guingamp  
21:00 SC Bastia Match statistics  between SC Bastia and Stade Rennais FC Stade Rennais FC  
21:00 ESTAC Troyes Match statistics  between ESTAC Troyes and GFC Ajaccio GFC Ajaccio  

Sunday 9 August 2015

Fixtures of Sunday 9 August 2015
HORAIREHome teamLogoStats / ResultsLogoAway team 
17:00 Girondins de Bordeaux Match statistics  between Girondins de Bordeaux and Stade de Reims Stade de Reims  
17:00 Toulouse FC Match statistics  between Toulouse FC and AS Saint-Etienne AS Saint-Etienne  
21:00 Olympique Lyonnais Match statistics  between Olympique Lyonnais and FC Lorient FC Lorient  

 

ligue-1-le-nouveau-ballon-de-la-ligue-1-presente-3