Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Red Pass

Tetra Campeões

Red Pass

Tetra Campeões

Benfica 1 - 1 Manchester United

 

 

O que tivemos esta noite em Lisboa não foi um importante jogo de futebol, foi apenas e só um privilégio! Num grupo onde temos 4 jogos para carimbar a passagem aos 1/8 de final sobram 2 partidas. Uma no mítico Old Traford onde tudo o que não seja uma derrota será histórica, outra era hoje na Luz. Quis o sorteio que a recepção mais apetecida fosse logo o jogo inaugural ainda em pleno verão na Luz.

Hoje nada havia a perder, a nossa qualificação não dependia desta noite.

Com este cenário era claro que hoje era uma daquelas noites europeias que ficam na memória de todos, sem grande pressão e com a ilusão bem justificada de uma possível vitória contra um gigante europeu.

 

Às vezes critico aqui atitudes dos sócios das bancadas mais centrais da Luz, hoje não quero deixar de dizer que quando o povo está unido, motivado e excitado à volta de um sonho conseguem-se viver momentos no nosso estádio absolutamente arrepiantes como aquele instantes antes de começar o jogo com os cartazes no ar que compunham a fabulosa coreografia preparada para este momentos e que espontaneamente tivemos o estádio inteiro a gritar fortemente BENFICA BENFICA BENFICA ! Devia ser sempre assim.

 

Infelizmente, sabemos que não é. E eu até percebo que a motivação num jogo destes seja brutal.

A mim o que me deixa furioso na Luz é quando sofremos um golo de equipazitas como Feirense, Penafiel, Nacional ou Sporting. Agora quando sofremos um golo do senhor Ryan Giggs do Manchester United não fico furioso. Aborrece mas no fundo é um elogio que o eterno "11" arranque um momento de magia daqueles ali à minha frente e só por 10€.

 

Há uma altura no jogo que à minha frente está Ryan Giggs parado pronto para marcar um canto. É uma imagem épica. as bancadas cheias como cenário, as estrelas da champions a brilharem nas varandas e o Benfica ali a defender com todas as suas forças a nossa baliza.

Nós crescemos a ouvir as histórias do Benfica europeu que media forças com Real, Barça, Inter ou Manchester United. Quando estamos a viver momentos destes sentimos que nascemos para isto. São estes jogos que dão sentido à nossa ambição.

 

Ver ali o campeão inglês que acaba de bater o record de golos marcados no arranque da Premier, que há poucos dias despachou o Arsenal com 8 golos, a jogar de igual para igual connosco é mesmo um privilégio para desfrutar. Hoje não era preciso nervos, unhas roídas, insultos, assobios... Hoje foi só saborear o facto de estarmos vivos no meio da elite europeia e a lutar de igual para igual com eles.

 

O passe de Gaitan é um mimo, a recepção, a troca de pés e o remate de pé direito de Cardozo são uma vergonha! O homem remata dali porque não sabe fintar, por não quer correr, só sabe fazer golos. É assobiá-lo mais para ver se ele percebe que não serve. É vendê-lo barato e rápido.

 

Os escolhidos por Jesus souberam estar à altura da nossa história e hoje deixaram-nos orgulhosos perante o olhar atento da Europa do futebol. Ruben Amorim foi titular e a surpresa de JJ para o embate e esteve bem, Aimar mostrou estar ao nível de qualquer estrela do Manchester united, Gaitan mostrou serviço a Sir Alex e todos estiveram à altura do momento.

 

Isto um bónus para todos nós que gostamos de futebol. O Benfica mostrou qualidade e agora terá que levar muito a sério os 4 jogos com suíços e romenos para conseguir a qualificação. A noite de gala está feita e foi bem bonita. Aproveitemos a embalagem para vencer a Académica no domingo.

9 comentários

Comentar post